Perguntas Frequentes Sobre LER?
Declaração: o conteúdo deste site é fruto de pesquisa, entretanto, não tem garantias de estar 100% correto. Se você acha ter alguma suspeita de LER, procure orientação médica. As informações aqui apresentadas não devem ser tomadas como base para diagnóstico. Somente o médico pode fazer diagnóstico da LER.

  1. Que é LER?

  2. O termo LER refere-se a um conjunto de doenças que atingem principalmente os membros superiores, atacam músculos, nervos e tendões provocando irritações e inflamação dos mesmos. A LER é geralmente causada por movimentos repetidos e contínuos com consequente sobrecarga do sistema músculo-esquelético. O esforço excessivo, má postura, stress e más condições de trabalho também contribuem para aparecimento da LER. Em casos extremos pode causar sérios danos aos tendões, dor e perda de movimentos. A LER inclui várias doenças entre as quais, tenossinovite, tendinites, epicondilite, síndrome do tunel do carpo, bursite, dedo em gatilho, sindrome do desfiladeiro toracico e síndrome do pronador redondo. Alguns especialistas e entidades preferem, atualmente, denominar as LER por DORT ou LER/DORT. A LER também é conhecida por L.T.C. (Lesão por Trauma Cumulativo).


  3. A quem a LER ataca? A LER é contagiosa?

  4. As principais vítimas são digitadores, publicitários, jornalistas, bancários e todos os profissionais que têm o computador como companheiro de trabalho.
    Não é contagiosa, pois não é causada por bactérias, fungos ou virus, mas sim por movimentos repetitivos.


  5. Porque há quem diz que LER não existe?

  6. Penso que por se definir a LER como um conjunto de doenças e não como uma doença específica. Quando alguem diz que tem LER, na verdade trata-se de uma tendinite, tenossinovite ou outro tipo de doença causada por esforço repetitivo.

  7. Que significa DORT?

  8. Disturbio osteomuscular relacionado ao trabalho

  9. Qual a diferença entre LER e DORT?

  10. LER é a designação de qualquer doença causada por esforço repetitivo enquanto DORT é o nome dado as doenças causadas pelo trabalho. Alguns especialistas e entidades preferem, atualmente, denominar LER por DORT ou ainda LER/DORT.

  11. Quais os sintomas da LER ?

  12. Em geral dores nas partes afetadas. A dor é semalhante a dor de reumatismo ou de esforço estático, como por exemplo a dor causada quando se segura algo com o braço, por longo tempo, sem movimentá-lo. Há formigamentos e dores que dão a sensação de quemadura ou as vezes frio localizado.

  13. A LER é uma doença nova?

  14. Não. Já na idade média era conhecida sob outros nomes, como por exemplo, a "Doença dos Escribas", que nada mais era do que uma tenossinovite, praticamente desaparecendo depois da invenção da imprensa por Gutemberg. Ramazzini, em 1700, também, descreve a doença dos escribas e notórios. Em 1895 o cirurgião suiço Fritz de Quervain descrevia o "Entorse das Lavadeiras" , atualmente conhecida como Tenossinovite de De Quervian, um tipo de doença causada por esforço repetitivo.
    A LER, entretanto, acentuou-se demaisiadamente na decada de 1990, com a popularização dos computadores pessoais.


  15. A LER é causada somente pelo trabalho?

  16. Não, também podem ser causa de LER atividades esportivas que exijam grande esforço. Da mesma forma a má postura ou postura incorreta, compressão mecânica das estruturas dos membros e outors fatores podem causar LER.

  17. Quais as possíveis causas das lesões por esforços repetitivos?

  18. Podemos citar entre tantas outras,
    1. posto de trabalho inadequado e ambiente de trabalho desconfortável
    2. atividades no trabalho que exijam força excessiva com as mãos,
    3. posturas inadequadas e desfavoráveis às articulações,
    4. repetição de um mesmo padrão de movimento
    5. tempo insuficiente para realizar determinado trabalho com as mãos.
    6. jornada dupla ocasionada pelos serviços domésticos.
    7. atividades esportivas que exijam grande esforço dos membros superiores.
    8. compressão mecânica das estruturas dos membros superiores.
    10. ritmo intenso de trabalho
    11. pressão do chefe sobre o empregado
    12. metas de produçao crescente e pre-estabelecidas
    13. jornada de trabalho prolongada
    14. falta de possibilidade de realizar tarefas diferentes
    15. falta de orientação de profissional de segurança e ou medicina do trabalho
    16. mobiliário mal projetado e ergonomicamente errado.
    18. postura fixa por tempo prolongado
    19. tensão excessiva e repetitiva provocada por alguns tipos de esportes
    20. desconhecimento do trabalhador e ou empregador sobre o assunto


  19. Quais as doenças decorrentes de esforços repetitivos?

  20. São diversas, a saber as mais comuns são,
    1. tenossinovites
    2. tendinites
    3. epicondilite
    4. síndrome do tunel do carpo
    5. bursites
    6. dedo em gatilho
    7. sindrome do desfiladeiro toracico
    8. síndrome do pronador redondo
    9. mialgias


  21. Que fazer em caso de suspeita de LER?

  22. O mais recomendado é procurar o médico imediatamente e passar por uma avaliação. Também é aconselhavel parar com a atividade suspeita de ser causa da LER.


  23. Estou com suspeita de LER. Que médico devo procurar?

  24. O site Repetitive-Strain-Injury.com recomenda que seja médico com conhecimento e especialização em LER/DORT, ortopedista, reumatologista ou neurologista. É comum o encaminhamento para fisioterapia depois de avalição médica.
    O Repetitive-Strain-Injury.com também sugere os seguintes passos para a escolha do profissional de saúde:
    1. qual a experiência que ele possui em LER?
    2. qual sua eficiência no tratamento da LER?
    3. como é o tratamento?

Por Etapas O Que Mais Dói


Se a doença for identificada nesta fase, caracterizada por algumas pontadas, pode ser curada facilmente.


Dor mais intensa, porém tolerável, mais localizada, acompanhada de calor e formigamento.


Nem o repouso consegue, nesta fase, fazer com que a dor diminua por completo.
Incapacidade para certas funções simples.


Dores insuportavesi e só pioram tornado a parte afetada dorloria, sem força e deformada. O paciente tem depressão, ansiedade, insônia e angústia.
A doença já não tem mais cura.
Onde Mais Dói
Simulando o Descanço
A posição em que há menores chances de usuáruios de computadores desenvolverem LER simula a postura da pessoa quando descança em posição sentada; ou seja, com as mãos (quase) apoiadas sobre as pernas e o corpolevemente para trás.
Certo Errado
Posição Correta Posição Errada
Fonte: Ministério do Trabalho